Dicas para Relato de Caso

September 8, 2019

 

Os relatos de casos já foram descritos como um tipo de publicação mais simples de evidências clínicas. Embora seja verdade que um relato de caso não possa substituir o poder de um estudo clínico com dados baseados em evidências que são gerados, o relato de caso ainda tem um papel importante a desempenhar na literatura médica. Os relatos de caso têm a função de propor novas hipóteses e compartilhar observações clínicas que podem se tornar o foco de um estudo científico maior. O primeiro caso de AIDS e da doença de Parkinson foi publicado como relato de caso. Obviamente, isso aumentou a conscientização sobre essas doenças nas comunidades médica e científica, o que gerou vários esforços de pesquisa que buscaram tratar e curar essas doenças. Os relatos de caso começaram inicialmente como discussões mais anedóticas entre médicos, mas foram formalizados em um formato mais acadêmico. Escrever um relatório sobre uma doença rara pode ser a principal maneira de divulgá-la, pois por incidir em um número pequeno de pacientes, tornaria improvável que essa doença fosse parte de um ensaio clínico ou outro tipo de investigação. O formato do relato de caso é específico aos requisitos da revista de destino, sendo importante que os autores consultem primeiro as instruções da revista escolhida antes de começar a redigir o relato.

 

Um guia para escrever relatos de caso
Uma das melhores maneiras de lidar com qualquer parte de um trabalho acadêmico é procurar entender seu propósito. Um relato de caso é mais útil quando:

  1. Descreve uma nova doença

  2. Descreve manifestações raras de uma doença conhecida

  3. Esclarece o mecanismo de uma doença

  4. Descreve os efeitos colaterais adversos ou benéficos de um tratamento

  5. Contribui para a educação médica.

Antes de escrever um relato de caso, pode ser uma boa ideia verificar se o seu relato de caso se encaixa nesses critérios

A obtenção do consentimento informado para escrever o relato de caso é fundamental. É importante que as informações do paciente sejam protegidas e a confidencialidade do paciente não seja violada. Algumas revistas seguem um formato de relato de caso que inclui a perspectiva do paciente. Se os autores obtiveram o consentimento informado dos pacientes no início do estudo, estes podem concordar em contribuir com sua perspectiva para o relato de caso.
Depois que o consentimento do paciente é obtido, os autores precisam decidir sobre uma revista para enviar o relato de caso. Os autores devem garantir a escolha de um periódico cujo público-alvo provavelmente esteja interessado no caso relatado.  Os autores também devem consultar os relatos de caso mais recentes publicados na revista. Isso ajudará a ter uma idéia sobre o estilo esperado e os tipos de relatos de caso que a revista tende a publicar. Feito isso, o próximo passo lógico é focar na elaboração das seções do relato de caso.

 

Formato do Relato de Caso
O formato do relato de caso será determinado pela revista a publicar. Um relato de caso típico inclui o título, resumo, introdução, descrição do caso e a discussão. Em alguns casos, também pode haver uma conclusão e a perspectiva do paciente.

O título e o resumo são dois componentes principais de qualquer artigo acadêmico. Essas seções estão disponíveis gratuitamente e os leitores geralmente analisam o resumo para determinar se desejam ler o relato de caso completo. O título deve ser preciso, conciso e relevante. Vocês como autores podem optar por escrever o título após o restante do relato para garantir que ele reflita o tom da questão predominante no seu relato de caso.

O resumo geralmente tem menos de 300 palavras e descreve o conteúdo do relato de caso. O título e o resumo são usados ​​para indexar o relato de seu caso, a fim de facilitar a pesquisa na literatura. 

Embora alguns periódicos exijam uma introdução, outros preferem que a descrição do caso siga diretamente o resumo. A introdução deve fornecer o contexto necessário aos leitores para entender porque os autores optaram por publicar o relato de caso. No entanto, os autores devem garantir que não seja uma extensa revisão da literatura. A descrição do caso deve prosseguir cronologicamente e fornecer detalhes suficientes aos leitores para entender como os autores chegaram ao diagnóstico e por que eles escolheram administrar os tratamentos. Nesta seção, é essencial fornecer apenas as informações necessárias para descrever adequadamente o caso. Os autores devem excluir quaisquer dados que não sejam essenciais para a compreensão do diagnóstico e tratamento. Na seção de discussão, os autores devem justificar suas opiniões e fazer recomendações adequadas. Os autores devem avaliar o caso específico quanto à precisão e novidade. Revisão extensa da literatura deve ser evitada. Na maioria dos casos, os periódicos limitam as referências associadas a um relato de caso a não mais que 15 artigos. O mais importante a ser lembrado quando se trata de como escrever um relato de caso é o objetivo de redigir um - que é o de conscientizar sobre casos incomuns vistos durante o curso da prática médica. 

Espero que tenha ajudado!

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Frases/palavras de transição para melhorar o seu texto científico

August 8, 2018

1/2
Please reload

Posts Recentes

September 8, 2019

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square